~ o casamento de uma flor com a lua.

Alan Blair ~
Foto: Fabrício Valente. Edição Fotográfica: Alan Blair. Conto: Alan Blair

Assim se fez, abrindo espaço pelas beiradas da calçada, despertando de sua excentricidade, cada pedaço de seu brilho, diante de toda a multidão que nem ao menos percebia.

Foi subindo, devagar, e abrindo lentamente, refletindo suas pétalas nos cantos sujos de toda a rua.
Bailava em pleno ar na medida em que subia, salpicando com seu verde, o rosto das pessoas sem rosto.

Fincada no chão do viaduto, conquistava os prédios, arranhando todo o céu, misturando-se com as nuvens e confundindo-se com a chuva, convidando as estrelas à presenciarem seu casamento com a lua.

Foi tanto brilho e tanta mistura de cores, que as pessoas lá embaixo – apressadas, distraídas – confundiram o amor de uma flor e de uma lua com fogos de artifício, comemorando a procissão que passava pela rua.

Anúncios

5 comentários sobre “~ o casamento de uma flor com a lua.

  1. HAHAHA, a minha mãe passou aqui perto agorinha e viu a flor deste post, ela achou bonita e quis saber o nome. mas eu não sei, gente!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s