machê

Alan Blair ~

Foto por Ronal Peret, “Vertigem do Pecado” – Direção: Eliane Rocha – Atuação: Alan Villela e Higgor Vieira.
Texto por: Alan.

O bombril nas pontas da antena da tv.
Papel machê secando na lâmpada acesa.
Nossos peixes dourados molhados no aquário e, no armário, pão e bolo que eu comprei pra nossa noite.

Os barulhos das chaves são marteladas na minha cabeça. Porta trancada duas vezes, conferindo.
Eu ligo o som na tomada e o que toca é o silêncio…
Fiz um chá de alfazema (?) pra fazer descer o bolo que eu engulo, sozinho.

Eu imagino que seja só uma brincadeira de mau gosto, uma surpresa pra mim, mas no fundo eu sei que não, não é, mas mais lá no fundo a esperança desesperada berra como louca, mas eu sei que não, não é.

Embrulhei minhas semanas no silêncio esse semestre. Economizei palavras e acumulei sentenças, e o que eu sei é dessa necessidade de explodir junho com porradas de garrafas de café.

Agora eu tenho um manicômio inteiro só para mim, minha loucura particular que ele não foi capaz de suportar.
Três meses é uma camisa de força pra você, dezessete. Nem deu tempo de marcar meu dedo.

É que eu só queria ser o mocinho, mais uma vez, e me esqueci que, literalmente, o mocinho era você.

Acumulei mais um pra minha pequena agradável lista de “unsent”.

O José Saramago está embrulhado de dourado no fundo da gaveta, esperando por alguém.

(Que não amarele com o tempo…)

10/06/2009
01h53min.


“You live you learn
You love you learn
You cry you learn
You lose you learn
You bleed you learn
You scream you learn”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s